top of page
Buscar

Seu filho NÃO é ansioso e impaciente. Ele ESTÁ ansioso e sem paciência. E precisa da sua ajuda...



Ser capaz de regular as próprias emoções, desenvolver autodisciplina e ter consciência de que isso depende do esforço da criança ou adolescente é um dos elementos que o tornaram uma pessoa resiliente ao longo da vida. O desafio de ensinar nossos filhos a ter autocontrole é maior nos dias atuais. Isso porque vivemos uma era em que é possível personalizar muitas experiências do dia a dia. Cada vez mais preparamos o ambiente dentro de casa para atender às expectativas e necessidades de nossos filhos, sem deixar espaço para que eles mesmos precisem se adaptar ou transformar o que incomoda em algo positivo.


Quanto mais a tecnologia nos traz benefícios, menos lembramos da necessidade de abrir espaço para que nossos filhos aprendam que, na vida real, nas relações pessoais, nos ambientes em que não temos domínio, somos nós que precisamos controlar nossos impulsos e regular nossas emoções. E dentro de casa, na segurança do lar, é o melhor lugar para aprender sobre isso. Contudo, vamos deixando que nossos filhos enfrentem o mundo real somente quando saem para um passeio ou para a escola. E aí vem o susto. E lá vão os pais procurar algum diagnóstico quando o que nossos filhos precisam é enfrentar desafios junto conosco, dentro de casa ou no convívio familiar.


A primeira dica é envolver seu filho quando o assunto for atividades que têm hora, tempo ou período determinado para acontecer. Se não pode assistir ou usar o tablet depois das 7 da noite, combinem um armário ou gaveta onde ele será guardado, longe da visão de todos. No início você mesma/o pega, guarda e explica: “vamos colocar nessa gaveta fechada que assim fica mais fácil para você conseguir cumprir o combinado.” E nos próximos dias seu filho guarda. Isso vale para brinquedos, doces, bolachas. Sim, seu filho é capaz de entender e fazer isso. Não significa que ele não vá sofrer. Significa que ele vai aprender a enfrentar o desafio, tendo como apoio algo que depende dele mesmo: sair ou tirar de perto daquilo que gera o desequilíbrio.


O reconhecimento por esse esforço, com elogios e experiências gratificantes é essencial para que seu filho consiga manter o esforço necessário para desenvolver o Autocontrole. Brinque, cante, faça algo agradável junto com ele para celebrar a conquista. Os efeitos positivos deste esforço duram pelo resto da vida. E seu filho consegue transferir esse aprendizado para situações em que o desafio se torna maior, conforme ele cresce. Um esforço enorme dos pais para segurar a própria ansiedade e vontade de atender aos desejos do filho. Acredite, você consegue e vale a pena. Autocontrole é um dos elementos essências da Resiliência.



Conteúdos novos todos os dias no nosso Instagram e Facebook.

Clique aqui para acessar.


Saiba mais sobre nossas Palestras: 11.938051719


📝 Curso "Educar sem Pirar": Clique aqui para acessar.


📖 Livro "Guia para Família Parceira da Escola no Pós-Pandemia": Clique aqui para comprar


📖 Livro "Socorro, meu filho não estuda": Clique aqui para comprar

0 comentário

Comentários


bottom of page